O cansaço da ficção — por Julián Fuks, no Especial Oceanos do Café Filosófico CPFL

Manuel da Costa Pinto e Julián Fuks

Vencedor do Oceanos 2016 com o romance A Resistência, o escritor paulista Julián Fuks participou em Campinas, no dia 29 de junho de 2018, do encontro “Especial Prêmio Oceanos”, promovido pelo Instituto CPFL, patrocinador do prêmio junto com a CPFL Energia. Em sua apresentação, seguida de perguntas do público e do jornalista Manuel da Costa Pinto (um dos curadores do Oceanos), Fuks abordou a “impaciência em relação à invenção”, falando sobre livros, filmes e performances que partem de vivências reais para fazer obras de arte – em especial na literatura, com o fenômeno da autoficção, na qual seu próprio romance se inscreve. Veja aqui a gravação integral do “Especial Prêmio Oceanos”.